Equipamentos para linha de vida | Entenda sua importância

Equipamentos para linha de vida | Entenda sua importância

por | maio 8, 2021

O que é linha de vida?

É um sistema de proteção contra quedas indispensável para trabalhadores que exercem atividades laborais superiores a  2 metros ou expostos ao risco de quedas.  A linha de vida consiste em cabos de aço, fitas ou cordas conectados ao cinto do trabalhador e a ancoragens, delimitando  o seu posicionamento, coordenando seus movimentos e protegendo-o contra quedas. A linha de vida deve ser instalada por empresa especializada e habilitada. O ponto de ancoragem deve receber atenção especial, pois é onde a linha é fixada.

A NR 35 é a norma regulamentadora estabelecida pelo Ministério do Trabalho para regulamentar os trabalhos em altura. Segundo essa norma, os sistemas de ancoragem podem fazer a retenção da queda, a restrição da movimentação, o posicionamento no trabalho e, ainda, o acesso por corda.

Qual a importância da linha de vida para a segurança dos trabalhadores?

Como é feita a instalação do equipamento para linha de vida?

Por ser um equipamento de proteção é de extrema importância para quem ocupa um ofício de trabalho em alturas e seu uso deve ser dimensionado por um técnico de segurança do trabalho.

Os critérios necessários devem levar em conta não somente a segurança, mas a liberdade de movimentos para executar a tarefa, por isso é necessário que haja uma capacitação para utilizar o equipamento para linha de vida.

Ele deve ser utilizado na ancoragem, bem como atender as normas técnicas e ser feito de cabo de aço ou um material têxtil extremamente resistente. Em caso de ancoragens permanentes que tenham grande exposição à ação do tempo é indicado um tipo de aço específico, como o inoxidável.

Absorvedor de impacto

Um dos equipamentos para linha de vida extremamente utilizado é o absorvedor de energia, em casos de queda, esses aparelhos absorvem o impacto que poderia afetar o trabalhador, protegendo assim a sua saúde e a integridade dos demais equipamentos.

Carrinho com travamento automático

Também é utilizado para ajudar a conferir mais mobilidade ao trabalhador fazendo com que ele se desloque de um ponto para o outro sem que haja perigo.

Empresa de equipamentos de segurança 

Ter segurança no trabalho é algo demasiadamente importante, afinal qualquer descuido pode ocasionar um acidente, e por isso a importância de investir em equipamentos de segurança para linha de vida.

Desta forma, a saúde e a qualidade dos funcionários terão mais cuidados trazendo retornos positivos para empresa.  Lembrando que os equipamentos para linha vida precisam passam por manutenções por conta do uso. Por isso é necessário contar com uma empresa de equipamentos de segurança especializada, como a C-Safety.

Isso porque, com o tempo o equipamento pode se desgastar e perder as características de fábrica, tornando impróprio para o uso.  De acordo com a norma Brasileira NBR, a segurança e revisão dos equipamentos devem ser feitas anualmente.

Isso independentemente do tipo de material utilizado, se você quer equipamentos com vida longa e útil é necessário investir na manutenção deles. Para evitar riscos é necessário dar atenção em todos os procedimentos corretos, até porque, um negócio só tem um bom resultado quando investe na segurança dos seus trabalhadores investindo nas normas de proteção.  Você pode contar com a C-Safety para disponibilizar equipamentos de segurança, pois é uma empresa comprometida que compreendem a necessidade do contratante e tem tudo que é necessário para a segurança do trabalhador.

O empregador é responsável pelo EPI?

De acordo com o Artigo 188 da lei 5.452, quem deve disponibilizar o equipamento de segurança ao trabalhador é o empregador de forma gratuita.

“Art. 188. Em todas as atividades em que se tornarem exigíveis, serão fornecidos pelo empregador, além dos meios gerais, os equipamentos individuais de proteção à incolumidade do trabalhador, tais como: óculos, luvas, mascara, aventais, calçados, capuzes, agasalhos apropriados, etc., equipamentos esses que, aprovados pelas autoridades competentes de Higiene do Trabalho serão de uso obrigatório dos empregados.”

Não é apenas fornecer, mas também tem a responsabilidade de atentar quanto a conservação do equipamento para que ele esteja em boas condições para o uso.

Ademais, o equipamento de proteção precisa ter certificação que deve estar presente da segurança junto à numeração que contém informações a respeito da validade.

E a empresa também tem que fazer a substituição do equipamento quando for a hora de trocar, ser responsável pela higienização e manutenção, ainda vale salientar que é importante registrar quando é dado o equipamento ao colaborador.

 

Outras Postagens

Áreas classificadas |Entenda a diferença entre elas

Áreas classificadas |Entenda a diferença entre elas

O que são áreas classificadas e como identifica-las? Áreas com risco de explosão são locais onde existe a possibilidade da formação de atmosferas explosivas devido à presença de substâncias inflamáveis. Há áreas classificadas nos mais diversos segmentos. Para evitar a...

ler mais
Equipamentos para espaços confinados | Veja quais são eles

Equipamentos para espaços confinados | Veja quais são eles

Conheça os equipamentos para espaços confinados: segurança em primeiro lugar A Norma Regulamentadora (NR) que rege o trabalho em espaços confinados é a NR 33. Segundo a norma, qualquer área não projetada para ocupação humana, que possua meios limitados de entrada e...

ler mais